BCN 

Professora de Piedade consegue na Justiça direito de trabalhar em casa durante pandemia

Compartilhar

No processo, a servidora alegou que o filho tem paralisia cerebral e complicações respiratórias, por isso depende dos cuidados dela. Uma professora da rede municipal de Piedade (SP) conseguiu na Justiça o direito de continuar trabalhando de casa durante a pandemia do coronavírus.
No processo, a servidora alegou que o filho tem paralisia cerebral e complicações respiratórias, por isso depende dos cuidados dela.
Nesta semana, a Justiça concedeu liminar para que a professora continue fazendo teletrabalho, pelo menos até ela ser vacinada contra a Covid-19 com as duas doses.
A Prefeitura de Piedade informou que existe a possibilidade de rodízio dos servidores de todos os setores como forma de prevenção à Covid, mas que, em caso de urgência, os servidores podem ser chamados para trabalhos presenciais.
Funcionários dos grupos de risco ficam afastados se tiverem orientação médica.
VÍDEOS: veja as reportagens do Bom Dia Cidade e do TEM Notícias
Veja mais notícias da região no G1 Sorocaba e Jundiaí

Compartilhar

You May Also Like

Deixe uma resposta