Suspeito de feminicídio é preso depois de aparecer em imagens com os cães de vítima; vídeos

Compartilhar

Após um mês do crime foi preso preventivamente um homem, de 35 anos, suspeito do feminicídio contra a namorada Vanessa da Silva, de 38 anos. O crime ocorreu no dia 25 de março no bairro Boa Vista, em Curitiba. O indivíduo foi capturado no bairro Tingui, na capital paranaense.

Reprodução câmeras de segurança

Imagens de câmeras de seguranças foram cruciais para a localização do suspeito e, além disso um outro fato chamou a atenção da polícia para que o crime fosse enquadrado como feminicídio: os cães da vítima seguiram o suspeito e estavam com ele no local em que Vanessa teria sido mortal brutalmente. “A Vanessa foi sim vítima de feminicídio porque eles estavam juntos há mais de 15 dias, segundo amigos do casal. Os cachorros que eram de Vanessa acompanhavam o autor do crime. Isso foi crucial nas imagens. O autor aparece com os cachorros que estavam no local da morte. Ele nega a autoria do crime, mas imagens derrubam a versão dele”, explicou a delegada da Polícia Civil, Tathiana Guzella à Banda B.

O crime

Vanessa foi encontrada morta com ferimentos na cabeça e no rosto, que foram desferidos com um paralelepípedo. Além disso, a vítima estava com as calças na altura do joelho, com a blusa aberta e seios parcialmente à mostra, mostrando que a princípio houve uma tentativa de estupro. “A calça arriada até o joelho indicam sim que teve algum crime sexual, em que pese que o lauda da vítima tenha dado negativo para estupro, o que não quer dizer que não tenham outros delitos sexuais”, explicou a delegada.

 

Vídeo em que o suspeito foi identificado – divulgação PCPR

 

Vídeo em que os cães da vítima seguem o suspeito – divulgação PCPR

Publicado primeiro em Banda B » Suspeito de feminicídio é preso depois de aparecer em imagens com os cães de vítima; vídeos

Compartilhar

You May Also Like

Deixe uma resposta