Dia Mundial da Saúde é marcado por protesto contra descaso do governo e colapso do sistema

7 de abril de 2021 0 Por
Compartilhar

Grupo que se manifesta conta com membros de conselhos de saúde, sindicatos e centros acadêmicos de medicina. Para eles, nenhuma medida efetiva foi adotada. Mãos atadas durante o protesto representam simbolicamente a falta de ação de autoridades do nosso país. No Dia Mundial da Saúde, profissionais da área fazem protesto na Avenida Paulista
Profissionais de saúde fizeram um protesto no vão do Museu de Arte de São Paulo (Masp), na região central da capital, nesta quarta-feira (7), Dia Mundial da Saúde.
Nesta data, a Organização Mundial da Saúde (OMS) apresentou um tema prioritário para ser discutido no mundo todo. Este ano a proposta é construir um mundo mais justo e saudável.
A pandemia assolou todos os países e aumentou ainda mais a desigualdade. O impacto mais grave foi nas pessoas mais necessitadas, que ficam mais expostas à doenças.
O grupo que se manifesta conta com membros de conselhos de saúde, sindicatos e centros acadêmicos de medicina.
Eles protestam contra o descaso do governo com a saúde e reclamam que o sistema está colapsado. Há falta de leitos e de medicamentos e ausência de apoio para o pessoal que atua – principalmente – na linha de frente, trabalhando incansavelmente, correndo riscos. Para eles, nenhuma medida efetiva foi adotada.
As mãos atadas durante o protesto representam simbolicamente a falta de ação de autoridades do nosso país.
VÍDEOS: saiba tudo sobre São Paulo e região metropolitana

Compartilhar