São Sebastião atinge marca de 100 mortes por coronavírus

2 de abril de 2021 0 Por
Compartilhar


Município chegou à centésima morte após confirmar mais duas nesta sexta-feira (2); cidade enfrenta falta de medicamentos para intubação e depende de hospitais de cidades vizinhas para internar pacientes mais graves. Hospital Clínicas Sul São Sebastião
Prefeitura de São Sebastião/Divulgação
Com mais duas mortes por Covid-19 confirmadas pela Secretaria de Saúde, São Sebastião atingiu a marca de 100 mortes por coronavírus nesta sexta-feira (2). A cidade registrou o primeiro óbito em decorrência do vírus em 23 de março de 2020.
De acordo com o último boletim epidemiológico divulgado pela prefeitura, São Sebastião tem 7.405 casos confirmados da doença e 45 pacientes internados (25 na rede municipal e 20 no Hospital Regional).
Com medo de aglomerações na cidade motivadas pelos feriados que foram antecipados na capital e também pela Páscoa, a prefeitura tem realizado barreiras sanitárias na entrada do município e instalou bloqueios com tapumes de metal e madeira no acesso às praias.
Falta de medicamentos
Segundo a prefeitura, São Sebastião permanece no limite de estoque de medicamentos para realizar intubação. Por isso, a cidade está sem receber novos pacientes que necessitam de intubação em UTI respiratória.
Os pacientes que necessitarem desse procedimento vão ser cadastrados na Central de Regulação de Oferta de Serviços de Saúde (CROSS) do Estado de São Paulo e precisam aguardar uma vaga em um hospital fora da cidade para serem internados.
De acordo com o boletim epidemiológico, 20 pacientes da cidade precisaram ser transferidos para o Hospital Regional do Litoral Norte, em Caraguatatuba, para serem intubados. Dez deles estão na enfermaria e dez internados na UTI.
Ocupação dos leitos
Devido a falta de medicamento para intubação, apenas os casos mais leves estão sendo internados na cidade. Atualmente, a taxa de ocupação dos leitos na UTI é de 40% e em toda a rede municipal há 25 pacientes internados, sendo 17 na enfermaria e oito na UTI.
Veja mais notícias do Vale do Paraíba e região bragantina

Compartilhar