Expedição pela Floresta da Tijuca (RJ) revela cores e sons da Mata Atlântica

Compartilhar


Aves endêmicas do bioma foram registradas pela equipe do TG; observadores de aves acompanharam a expedição. Expedição no Rio de Janeiro promete diversidade de espécies, cores e sons
Vanderlei Duarte/TG
Qual a trilha sonora do Rio de Janeiro? Além do samba e da bossa nova, os sons da natureza dão ritmo ao repertório da “cidade maravilhosa”. Na melodia das aves encaramos uma expedição pelo Parque Nacional da Tijuca, que domina 3,5% do município e possui quase quatro mil hectares de Mata Atlântica.
Acompanhados por observadores e fotógrafos de natureza, desbravamos as trilhas da floresta e descobrimos muito além dos sons da mata: aves como saíra-sete-cores, tangará e pica-pau-anão-barrado deram cor aos flagrantes.
Na lista de observações estão ainda beija-flores, como o rabo-branco-pequeno, e aves exclusivas do bioma, como o cuspidor-de-máscara-preta.
Venha com a gente nessa passarinhada, sábado (03/04), às 14h, na EPTV!

Compartilhar

Deixe uma resposta