‘Eu choro’, diz responsável pela Paixão de Cristo em Ribeirão Preto após mais uma suspensão pela Covid-19

2 de abril de 2021 0 Por
Compartilhar


Evento seria realizado nesta sexta-feira (2) e não terá nem transmissão on-line. Roupas e acessórios estão guardados em galpão de igreja na zona Norte. Caminhada do calvário é suspensa por mais um ano em Ribeirão Preto
Com 37 anos de tradição, o espetáculo que recorda a morte e ressureição de Jesus Cristo, que seria apresentado nesta sexta-feira (2), foi suspenso pelo segundo ano consecutivo em Ribeirão Preto (SP) por conta da Covid-19.
O evento também não terá transmissão on-line para evitar aglomerações dos atores e deixa saudades para a monitora artística Carmem Rezende, responsável pela encenação.
“Eu fico emocionada. Eu choro, eu recordo. Tem sempre as coisas por trás dos bastidores. Eu recordo o que passamos antes da encenação, as conquistas e amizades”, conta.
Encenação da Paixão de Cristo em Ribeirão Preto
Milena Aurea/ACidadeON Ribeirão/Arquivo
Para ela, a apresentação já é tradicional no calendário cultural e religioso do município na Páscoa e deve ser mantida tão logo a pandemia passar.
Enquanto a peça segue novamente sem acontecer, roupas e acessórios usados no espetáculo ficam guardados no balcão da Paróquia Sagrado Coração de Jesus, no Jardim Presidente Dutra.
“Eu vejo todo aquele material que poderia estar, hoje, por exemplo. É como se eu pudesse ver todas as caixas por aqui, as roupas no cabide, o pessoal correndo, os voluntários trabalhando, na empolgação, pensando nos mínimos detalhes para poder apresentar tudo isso ao público”, diz.
Todos os anos, a encenação é acompanhada por milhares de pessoas da cidade e da região. Um deles é o fiel Claudinei Peixoto, que está também está com saudade de acompanhar.
“Quem sabe mais para frente volta esse trabalho maravilhoso que todas as pessoas do catolicismo e de outras religiões também vão prestigiar”, reflete.
Figurino usado na encenação permanece guardado em Ribeirão Preto (SP)
Reprodução/EPTV
Veja mais notícias da região no G1 Ribeirão Preto e Franca
Tudo sobre Ribeirão Preto, Franca e região

Compartilhar