BCN 

Investigação indica que namorado de adolescente atirou em motorista de aplicativo após combinação de encontro amoroso

Compartilhar


Polícia Civil indiciou rapaz pelo crime de tentativa de homicídio, em Presidente Prudente. Vítima sofreu ferimentos provocados pelos estilhaços dos disparos de arma de fogo. Polícia Civil, por meio da Deic, esclareceu a tentativa de homicídio
Gelson Netto/G1
A Polícia Civil, por meio da Divisão Especializada de Investigações Criminais (Deic), esclareceu a tentativa de homicídio de um motorista de aplicativo, em Presidente Prudente, que foi registrada enquanto a vítima aguardava por uma corrida, em outubro de 2020. Na manhã desta terça-feira (23), os policiais realizaram diligências em busca das armas de fogo utilizadas pelos envolvidos, mas não obtiveram êxito.
De acordo com o delegado Claudinei Alves, responsável pelas investigações, os envolvidos foram identificados.
Ao G1, Alves explicou que a vítima anotou o telefone de uma usuária do aplicativo e manteve contato com ela, marcando encontro amoroso.
“A usuária, que é uma adolescente, relatou ao seu namorado, que esperou o motorista do aplicativo na rua onde os fatos ocorreram. Com a chegada do veículo da vítima, o namorado da adolescente, que estava com outros dois rapazes, alçou mão de uma arma de fogo e atirou várias vezes, fazendo com que a vítima fugisse”, acrescentou o delegado o G1.
Durante espera por corrida, motorista por aplicativo é alvo de tentativa de homicídio, em Presidente Prudente
O motorista do aplicativo que foi alvo dos tiros, não foi atingido pelos disparos. Segundo o registro feito no dia da ocorrência pela Polícia Civil, o motorista apresentou um sangramento nas costas por estilhaço de vidro.
Alves ainda disse que o namorado da adolescente e os dois rapazes que o acompanhavam foram identificados.
Além disso, na manhã desta terça-feira (23), a Polícia Civil realizou diligências em busca das armas de fogo utilizadas na tentativa de homicídio.
Os envolvidos, segundo a polícia, foram ouvidos e confirmaram os fatos.
O autor dos disparos foi indiciado.
Veja mais notícias em G1 Presidente Prudente e Região.

Compartilhar

You May Also Like

Deixe uma resposta