Corinthians fará a sua sétima participação na Copa Sul-Americana; relembre campanhas

Compartilhar

Sem chances de se classificar para a próxima edição da Copa Libertadores da América, o Corinthians está com a sua vaga assegurada na Copa Sul-Americana 2021, torneio de segundo escalão na América do Sul, mas que o Timão ainda não ganhou. Até o momento, o Alvinegro paulista participou seis vezes da competição, parando, no máximo, na semifinal. O objetivo do time treinado por Vagner Mancini, agora, é acabar com o tabu na competição que terá uma nova cara e também uma premiação mais interessante.

Para esta temporada, a Conmebol definiu que a Sul-Americana será dividida em três fases: a preliminar, onde clubes do mesmo país (exceto Brasil e Argentina) realizam duelos e geram 16 classificados; a fase de grupos, quando os times da fase preliminar se encontram em oito chaves com quatro participantes, fazendo duelos de ida e volta; e o mata-mata, quando os oito líderes dos grupos aguardam os oito terceiros colocados da fase de grupos da Libertadores. Além disso, a entidade máxima do futebol da América do Sul aumentou a premiação, entregando US$ 11,8 milhões (cerca de R$ 64 milhões) ao time vencedor.  Em crise financeira e sem a perspectiva de fazer um grande investimento, o Corinthians enxerga o campeonato como uma boa possibilidade de ganhar um título na temporada, algo que faltou em 2020, e melhorar a situação do clube, que viu o fluxo de entrada diminuir com a pandemia da Covid-19 e a consequente ausência de torcedores na Neo Química Arena.

Campanhas do Corinthians na Sul-Americana

2003 – Primeira fase 

A primeira participação do Timão na Sul-Americana aconteceu em 2003. Na ocasião, os corintianos caíram não conseguiram passar no triangular formado com Atlético-MG e Fluminense, sendo eliminados logo na primeira fase após as derrotas por 2 a 0 para os mineiros e os cariocas – Tricolor das Laranjeiras acabou passando para a terceira fase, mas foi eliminado pelo São Paulo logo na sequência.

2005 – Quartas de final 

Dois anos mais tarde, com um regulamento diferente o Corinthians passou pelo Goiás no primeiro mata-mata da Copa Sul-Americana, passando pelos goianos com uma vitória por 2 a 0 um empate em 1 a 1. Nas oitavas de final, o então time comandado por Antônio Lopes despachou o River Plate com duas igualdades: 0 a 0 no Pacaembu, e 1 a 1 no Monumental Nuñez, avançando graças ao gol qualificado. Nas quartas de final, porém, o Alvinegro acabou caindo após bater o Tigres por 2 a 1, mas sofrer um doloroso 4 a 2 no México.

2006 – Oitavas de final

No ano seguinte, o Corinthians também ganhou do seu rival brasileiro na primeira fase, vencendo o Vasco em duas oportunidades: 3 a 1 e 1 a 0. O confronto seguinte, porém, contra o Lanús, o clube paulista empatou em casa sem gols e perdeu por 4 a 2 na Argentina, se despedindo do torneio de forma precoce contra o modesto conjunto argentino.

2007 – Primeira fase

No trágico ano do rebaixamento do Corinthians para a 2ª divisão do Campeonato Brasileiro, o time paulista também passou vergonha na Sul-Americana, caindo para o Botafogo logo na fase inicial, ao ser derrotado duas vezes: 3 a 1 (Rio de Janeiro) e 2 a 1 (São Paulo).

2017 – Oitavas de final

O Corinthians viveu um hiato de dez edições sem participar do torneio. Em 2017, a eliminação foi para o Racing, nas oitavas de final. Depois do empate na arena em 1 a 1, a equipe de Fábio Carille se descontrolou na Argentina, perdeu Jô e Rodriguinho por expulsão e saiu do torneio após a igualdade em 0 a 0.

2019 – Semifinal

A melhor campanha do time do Parque São Jorge na Sul-Americana aconteceu em 2019, quando a equipe passou pelo Racing nos pênaltis (Primeira Fase), Deportivo Lara, da Venezuela, por 4 a 0 no placar agregado (Segunda Fase), Montevideo Wanders, do Uruguai, por 4 a 1 no agregado (Oitavas de final) e Fluminense no critério de gol qualificado depois de dois empates (Quartas de Final). Na semi, porém, levou 2 a 0 para o Independiente del Valle, em plena Neo Química Arena, conseguindo apenas um 2 a 2 no Equador.

 

 

Compartilhar

You May Also Like

Deixe uma resposta