BCN 

Alunos da Etec de Rio Preto criam aplicativo para aproximar doadores e entidades sociais

Compartilhar


Aplicativo está disponível para o sistema Android e é destinado exclusivamente para doadores; instituições devem se cadastrar pelo site. Alunos da Etec de Rio Preto criam aplicativo para aproximar doadores e entidades sociais
Reprodução/TV TEM
Quatro alunos da Escola Técnica Estadual (Etec) Philadelpho Gouvêa Netto, em São José do Rio Preto (SP), desenvolveram um aplicativo que tem como objetivo aproximar doadores e entidades sociais.
O projeto foi Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) do grupo, que cursou o Ensino Técnico de Informática Integrado ao Médio, e uniu a tecnologia com a necessidade das instituições, impactadas pela pandemia da Covid-19.
“No primeiro dia, a gente fez uma lista de todas as ideais que a gente tinha reunido e, na naturalidade, conforme a gente foi desenvolvendo o projeto, fomos vendo o que era útil e encaixável, o que era sonhar demais e o que podia realmente ajudar as pessoas”, conta a estudante Victoria Cassiano Machado.
Estudantes da Etec de Rio Preto (SP) desenvolveram app para ajudar entidades
Reprodução/TV TEM
Nicholas Vargas Guimarães, um dos responsáveis pelo desenvolvimento do projeto, conta que foi feita uma pesquisa para entender as reais necessidades das instituições.
“Fizemos entrevistas com ONGs para saber a real necessidade delas e se o nosso sistema ia comportar todos os problemas que elas tinham. Então a gente foi, cada vez mais, buscando mais informações para divulgar melhor”.
As instituições sociais podem se cadastrar pelo site e divulgar suas campanhas e postos de coleta para arrecadação de produtos. Já o aplicativo, gratuito e disponível para o sistema Android, é destinado exclusivamente para os doadores, que encontrarão as ONGs cadastradas.
Alunos da Etec de Rio Preto criam APP que aproxima doadores e entidades assistenciais
Quem também comemora a conclusão do projeto é o professor Bruno Duarte.
“Desde quando eles me procuraram, eles já falaram que queriam levar esse projeto para frente, antes mesmo de estar finalizado. Então eu fiquei bem satisfeito e, por isso, topei ajudar na parte de mentoria.”
Uma das entidades que já demonstrou interesse em receber as doações por meio do aplicativo é a Associação Anjo da Guarda, em Rio Preto, que atende 120 crianças no contraturno escolar.
“Esse aplicativo vai nos ajudar muito porque com a pandemia, os nossos doadores, principalmente os físicos, diminuíram. Muitos perderam o emprego, muitos não tinham condições de dar continuidade”, diz a coordenadora pedagógica Márcia Esteves Andreu.
“Achei ele bem prático, acessível, com uma linguagem muito fácil de usar e de entender. Ele te direciona para onde você vai doar, o que você vai doar e ainda tem o mapa para você levar a doação no lugar exato”, afirma Éder Carvalho, que já baixou o aplicativo para ajudar entidades.
Estudantes da Etec de Rio Preto (SP) desenvolveram aplicativo que ajuda entidades
Reprodução/TV TEM
Veja mais notícias da região no G1 Rio Preto e Araçatuba
VÍDEOS: mais assistidos da região
.

Compartilhar

You May Also Like

Deixe uma resposta